Sobe para 510 o número de mortos no Rio

À medida que equipes de resgate avançam por áreas devastadas pelas chuvas, a tragédia na região serrana do Rio ganha contornos mais e mais dramáticos. Até as 23h45 de ontem, as prefeituras contabilizavam 510 mortos em cinco municípios fluminenses: Teresópolis, Nova Friburgo, Sumidouro, Petrópolis e São José do Vale do Rio Preto. Há ainda 8.320 pessoas desalojadas (retiradas de casa) e 6.270 desabrigadas (que perderam as casas). Já é a segunda pior tragédia climática da história do Brasil e um dos dez maiores deslizamentos do mundo registrados desde 1900.

FELIPE WERNECK, MARCELO AULER, MÁRCIA VIEIRA, PEDRO DANTAS, BRUNO BOGHOSSIAN, KELLY LIMA, ROBERTA PENNAFORT E BRUNO LOUSADA, Agência Estado

14 de janeiro de 2011 | 00h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.