SP tem quatro pontos de alagamento

Não há registros de regiões intransitáveis por causa das chuvas neste momento

EQUIPE, Agência Estado

16 de outubro de 2011 | 12h59

Caiu para quatro o número de pontos alagados na cidade de São Paulo na tarde deste domingo.

 

Por volta das 16h45, a CGE registra alagamento na Praça Jorge de Lima, próximo à Avenida Vital Brasil e na Avenida Engenheiro Billings, na região da ponte do Jaguaré, sentido interior, na região do Butantã.

 

Também há alagamento na Rua São Teodoro, em Itaquera, na zona leste e na Avenida Pedro Álvares Cabral, na Vila Mariana, na zona sul.

 

Não há registros de regiões intransitáveis por causa das chuvas neste momento.

Homem atravessando um ponto de alagemento na Av. Cruzeiro do Sul, região do Canindé. (JOSE PATRICIO/AE)

 

Ciclista atravessando um ponto de alagemento na Av. Cruzeiro do Sul (JOSE PATRICIO/AE)

 

Durante todo o dia foram registrados 15 pontos de alagamento. A região mais atingida pela chuva foi a central, onde foram registrados 32,2mm.

 

Não há registro de chuvas fortes na capital neste final de tarde. De acordo com a CGE, já por volta das 13h, a chuva se deslocava para a região do Vale do Paraíba e para o oceano.O céu deve permanecer nublado e com chuvas isoladas.

 

Para esta segunda-feira, a previsão é de tempo nublado. O céu deve abrir na terça-feira. As temperaturas devem ficar entre os 15º e 22º.

 

Ocorrências

De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve registros de dois casos provavelmente relacionados com a chuva. Na Vila Maria e em Osasco, duas casas desabaram. Não houve vítimas.

 

Atualizado às 17h13

 

 

.

 

Tudo o que sabemos sobre:
chuvasSão Pauloalagamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.