Subnutrição causa morte de 15ª criança indígena do MS

Um menino índio de 50 dias de vida morreu hoje por causa de subnutrição na Aldeia Porto Lindo, no município de Juti, sul do em Mato Grosso do Sul. É o 15º caso deste ano no Estado, o oitavo na aldeia. Sete mortes ocorreram na Reserva Indígena de Dourados, na mesma região. A causa da morte foi diagnosticada pelo laudo do Instituto Médico Odontológico Legal (Imol), em Dourados.Segundo Carlos Roberto Eusébio Narciso, de 57 anos, funcionário da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), o menino foi encontrado subnutrido na aldeia e internado no Hospital da Missão Caiuá em Dourados, onde faleceu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.