Suécia confirma primeiro caso de gripe H1N1

Autoridades sanitárias da Suécia confirmaram na quarta-feira o primeiro caso no país da gripe H1N1 e disseram que a paciente, que retornou recentemente dos Estados Unidos, já está curada.

REUTERS

06 de maio de 2009 | 10h35

O Instituto Sueco para Controle de Doenças Infecciosas disse que exames laboratoriais confirmaram a presença do vírus da chamada gripe suína na paciente.

O caso é o segundo em países nórdicos. A Dinamarca confirmou uma primeira ocorrência em 1o de maio.

Um porta-voz da autoridade sanitária de Estocolmo disse que uma mulher da capital sueca, com cerca de 50 anos, apresentou a doença dias depois de retornar de Chicago, nos EUA, em 25 de abril.

"Ela está saudável agora. Ela se sente muito bem", disse Ake Ortqvist, porta-voz da autoridade sanitária.

Pessoas que mantiveram contato com ela estão recebendo tratamento com remédios antivirais.

Tudo o que sabemos sobre:
GRIPESUECIACASO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.