Suspeito do crime da mala em Mairiporã-SP é preso

Foi preso ontem o suspeito de matar uma mulher, que foi encontrada dentro de uma mala em uma represa de Mairiporã (SP), em janeiro deste ano. O homem, de 40 anos, havia fugido para o Ceará e programava voltar para São Paulo, onde ficaria escondido, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), mas foi detido dentro de um ônibus durante seu retorno à cidade. Um comparsa dele no crime foi identificado e está sendo procurado.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

14 de fevereiro de 2011 | 15h23

O corpo de uma mulher foi encontrado em 21 de janeiro, dentro de uma mala, na represa Paiva Castro, no trecho próximo ao entroncamento entre a Rodovia Presidente Salomão Chamma (SP-23), conhecida como Estrada do Governo, e a Estrada Santa Inês, em Mairiporã.

Na ocasião, um representante comercial, de 30 anos, contou que retirou a mala da represa porque a viu boiando e dela saía um liquido avermelhado que aparentava ser sangue. A mala estava fechada com corda e cadeado.

Tudo o que sabemos sobre:
crimeviolênciamalaMairiporã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.