Taxista salva jovem de seqüestro relâmpago em Santos

Após desconfiar de um casal de passageiros retirando dinheiro em um caixa eletrônico de um posto de gasolina em Santos, no litoral sul de São Paulo, na noite de ontem, um taxista alertou a polícia sobre um possível seqüestro relâmpago. A vítima, uma jovem de 18 anos, foi abordada mais cedo por um suspeito, quando aguardava um ônibus para voltar para casa. Ela foi levada em um táxi até o caixa eletrônico do posto de combustível, onde foram sacados R$ 20,00, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública. O taxista Eduardo Júlio Neto desconfiou do casal e, enquanto esperava a dupla, deixou o celular ligado, em seu colo, e começou a informar a polícia sobre a localização do táxi, de acordo com informações do gerente do posto. Através de câmeras de circuito da orla da praia, a polícia conseguiu identificar o táxi onde estavam a vítima e o torneiro mecânico Jean Harrison Juscelino, de acordo com a SSP, e abordou o veículo. Jean alegou que a jovem era sua namorada, mas a polícia encontrou com ele o dinheiro sacado e o cartão bancário da vítima. Ele foi preso em flagrante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.