Taxistas de Nova York realizam nova greve

Motoristas protestam contra obrigação de instalar novos equipamentos nos carros.

BBC Brasil, BBC

22 de outubro de 2007 | 16h00

Um grupo que representa cerca de 10 mil taxistas em Nova York convocou uma greve nesta segunda-feira, em protesto contra a obrigação de equipar os carros com sistema de navegação e máquina de cartão de crédito.A cidade tem cerca de 44 mil motoristas e uma frota de quase 13 mil táxis.Esta é a segunda paralisação das últimas semanas. Os taxistas alegam que as mudanças são caras e que os equipamentos provavelmente não vão ser utilizados com freqüência.Apesar da adesão de muitos motoristas à greve, o protesto não foi suficiente para tirar todos os táxis das ruas. Quem andava pela cidade nesta segunda-feira ainda conseguia encontrar com facilidade os famosos táxis amarelos.Em meio à greve dos taxistas, funcionários dos teatros da Broadway também ameaçam paralisar suas atividades contra mudanças contratuais.A maioria deles vem trabalhando sem contrato desde julho.Na semana passada, representantes dos sindicatos recusaram uma proposta do prefeito Michael Bloomberg para acabar com a disputa.Se a greve realmente ocorrer, ela pode ameaçar a temporada de fim de ano nos teatros nova-iorquinos, incluindo uma das mais esperadas estréias do ano: O Jovem Frankenstein, de Mel Brooks, prevista para novembro.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.