Telefónica busca solução para compra da Vivo

A Telefónica afirmou nesta quarta-feira que está disposta a conversar com a Portugal Telecom sobre a oferta de compra da participação da empresa na Vivo, que está congelada pelo veto do governo português.

REUTERS

07 Julho 2010 | 14h36

"A Telefónica está disposta a continuar buscando as soluções possíveis para a operação chegar a um bom termo, na medida em que exista a disponibilidade da Portugal Telecom para isso", informou a companhia espanhola em comunicado à imprensa.

A Corte Europeia de Justiça decide na quinta-feira sobre a legalidade do veto português sobre a operação proposta pela Telefónica.

Em 30 de junho, Lisboa impediu a venda da participação na Vivo recorrendo à "golden share" na Portugal Telecom depois que os acionistas da companhia apoiaram a oferta melhorada de 7,15 bilhões de euros feita pela Telefónica.

"A Telefónica promoveu seus melhores esforços para apresentar à Portugal Telecom uma oferta impecável para a aquisição de 50 por cento das ações da Brasilcel", afirma a companhia espanhola no documento divulgado nesta quarta-feira.

A oferta da Telefónica é válida até 16 de julho, acrescenta a empresa na nota.

Na terça-feira, fontes do setor bancário informaram que a Telefónica está organizando um empréstimo sindicalizado de 8 bilhões de euros para financiar parte da oferta.

Telefónica e Portugal Telecom controlam mais de 60 por cento da Vivo através da Brasilcel.

A combinação da Vivo com a operação de telefonia fixa da Telefónica no Brasil, Telesp, criará o maior conglomerado de telecomunicações do Brasil.

(Por Feliciano Tisera)

Mais conteúdo sobre:
TELECOM TELEFONICA VIVO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.