Temporal deixa 140 mil residências sem energia no RS

Cerca de 140 mil residências estão sem energia em diferentes regiões do Estado

Elder Ogliari, do Estadão,

01 de novembro de 2007 | 14h24

O temporal que atingiu o Rio Grande do Sul na madrugada desta quinta-feira, 1º, deixou milhares de casas destelhadas. Um levantamento parcial da Defesa Civil indica que a região noroeste foi a mais afetada. Cerca de 140 mil residências estão sem energia em diferentes regiões do Estado. Em Três de Maio, cidade de 25 mil habitantes a 473 quilômetros de Porto Alegre, o vento derrubou postes e árvores e danificou a cobertura de cerca de 800 casas. O município está sem energia elétrica.Em Alegria, o vendaval provocou estragos em cerca de 500 residências. Em Panambi derrubou parte das paredes de uma casa e deixou uma criança ferida. As cidades de Panambi, Três de Maio e Horizontina ainda tem 107 mil residências sem energia, por queda de postes, cabos de energia ou torres de transmissão, confirmou a companhia de energia RGE. No início da manhã 150 mil casas estavam sem energia, a recuperação do sistema está sendo realizada.O litoral, no leste do Estado, também foi atingido. Dezenas de casas ficaram destelhadas em Palmares do Sul, Tramandaí e Cidreira. Em São Leopoldo, na região metropolitana de Porto Alegre, a água inundou algumas salas do Hospital Centenário.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvas no RS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.