'Tenho fé em Deus que vou sair livre', diz Mizael

Após quase duas horas, o interrogatório de Mizael Bispo terminou por volta das 19 horas desta quarta-feira com uma pergunta do juiz Leandro Bittencourt Cano: "Tudo o que o senhor falou aqui é verdade?" O réu respondeu que sim e o julgamento foi encerrado nesta quarta, no Fórum de Guarulhos (SP). Ele também disse no julgamento: "Tenho fé em Deus que vou sair (livre)".

AE, Agência Estado

13 de março de 2013 | 19h52

Um pouco antes, ao responder a uma pergunta elaborada por um jurado, Mizael revelou que foi Mércia Nakashima quem terminou o namoro. "Em agosto de 2009, estava em casa e a Mércia falou que não queria namorar mais. No dia seguinte, ela voltou atrás e disse: ?Você é um homem bom, até café na cama você leva pra mim?. No dia 17 de setembro, estávamos chegando ao escritório em Cumbica. Ela falou chorando que queria terminar de novo", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
Caso MérciajulgamentoMizael

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.