Terremoto de magnitude 6,0 no Atlântico deixa Natal em alerta

Boatos de tsunami foram difundidos devido ao tremor, mas o tipo de sismo não provoca ondas gigantes

Pedro Fonseca

15 de maio de 2011 | 16h48

Um terremoto de magnitude 6,0 registrado no oceano Atlântico entre o Brasil e a África levou o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil de Natal a declararem estado alerta neste domingo, 15, mas nenhum incidente foi registrado, informou o governo do Rio Grande do Norte.

Boatos de tsunami foram difundidos em Natal em função do tremor, segundo nota no site do governo estadual, mas o tipo de sismo registrado não provoca ondas gigantes, de acordo com Joaquim Mendes Ferreira, coordenador do laboratório sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

"Para se gerar um tsunami é necessário que o movimento seja vertical, quando a água do mar pode ser empurrada ou descida abruptamente. E não foi o que aconteceu", disse Mendes em comunicado.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o tremor foi registrado às 10h08 (horário de Brasília) a 1.276 quilômetros de distância de Natal, com epicentro a uma profundidade de 10 quilômetros. O tremor ocorreu praticamente na metade do caminho entre Natal e Cabo Verde, na África, de acordo com dados do serviço dos EUA.

A ação dos bombeiros em Natal foi normalizada após a confirmação de que não havia riscos em função do tremor.

Tudo o que sabemos sobre:
GERALTERREMOTONATAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.