Tia Suluca se diz feliz em desfilar na Mangueira

A presidente de honra da ala das baianas da Mangueira, a Tia Suluca, afirmou que apesar do cansaço, estava feliz em poder participar de mais um desfile da escola. Com 86 anos, ela contou que desfila desde os 7 anos.

MARIANA SALLOWICZ, Agência Estado

03 Março 2014 | 03h05

"Se eu morrer amanhã, o meu espírito vai bem", afirmou na dispersão da escola momentos antes de um carro alegórico ficar preso na torre de TV. A Tia Suluca é irmã do Mestre Delegado. Após conversar com jornalistas, ela ainda sambou na dispersão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.