TIM diz que margem Ebitda maior é possível nos próximos meses

A operadora TIM Participações espera que uma receita maior com celulares pré-pagos e aumento de participação de mercado ajudem a empresa a ampliar margem operacional nos próximos trimestres, afirmaram executivos nesta terça-feira.

REUTERS

04 Agosto 2009 | 11h13

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) da TIM no segundo trimestre subiu 15,5 por cento, para 736 milhões de reais, em relação ao resultado obtido um ano antes.

A margem Ebitda, deve melhorar nos próximos meses, disse Luca Luciani, presidente da operadora, em teleconferência. A margem encerrou o trimestre passado em 22,3 por cento ante 20 por cento um ano antes.

A companhia divulgou na noite de segunda-feira prejuízo líquido de 15,2 milhões de reais, ante perda de 66,3 milhões de reais um ano antes.

(Por Guillermo Parra-Bernal)

Mais conteúdo sobre:
TELECOM TIM MARGEM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.