Tiroteio entre PMs e traficantes no RJ deixa 3 mortos

Três pessoas morreram e seis ficaram feridas num tiroteio entre policiais militares e traficantes do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, zona norte do Rio de Janeiro, na noite de ontem. A moradora Vera Lúcia Rodrigues, de 35 anos, chegava em casa, vinda de uma festa, quando foi atingida por uma bala perdida. Morreu quando era operada no Hospital do Andaraí. Outro morador, Reginaldo Andrade Santos, de 30 anos, também baleado, morreu enquanto era levado para o hospital; uma terceira pessoa, não identificada, morreu na hora.

ROBERTA PENNAFORT, Agencia Estado

12 Julho 2009 | 19h52

Moradores contaram que o embate começou quando os PMs, num veículo blindado da polícia (caveirão), entraram atirando por um dos principais acessos à favela. Já a PM informou que os policiais do batalhão da Tijuca, responsável pelo policiamento no bairro, estavam no morro para coibir assaltos comuns em dias de baile funk, e foram recebidos a tiros pelos traficantes.

Também no sábado, numa operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) nos morros do Fallet, Prazeres e Fogueteiro, em Santa Teresa, no centro, um homem e um adolescente de 16 anos que seriam traficantes morreram, e três outros foram presos. Como forma de retaliação, um ônibus foi incendiado a mando de bandidos perto dali. Os PMs buscavam os criminosos que atiraram no cabo do Bope Ênio Roberto Santos Santiago, de 39 anos. Santiago foi baleado na manhã de sexta-feira, na Tijuca, ao tentar impedir um roubo de carro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.