TJ-SP anula liminar que liberava locais da Lei Antifumo

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) anulou na noite de hoje a liminar que liberava cerca de 3 mil estabelecimentos comerciais das aplicações da Lei Antifumo. Sem a liberação, fica proibido fumar nos bares e estabelecimentos de 18 cidades do interior do Estado. A ação foi impetrada pela Associação Brasileira de Gastronomia, Hospedagem e Turismo (Abresi) em nome do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Itapeva e Região.

PRISCILA TRINDADE, Agencia Estado

11 Agosto 2009 | 19h49

Os estabelecimentos que haviam sido liberados da fiscalização ficam nos municípios de Apiaí, Barra do Chapéu, Barra do Turvo, Bom Sucesso de Itararé, Buri, Capão Bonito, Guapiara, Itaberá, Iporanga, Itapeva, Itararé, Itaoca, Nova Campina, Ribeira, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande, Riversul e Taquara.

Mais conteúdo sobre:
Lei AntifumoTJ-SPliminar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.