TJ-SP nega pedido de transferência para Suzane

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) negou o pedido de transferência de Suzane von Richthofen, da Penitenciária Feminina de Tremembé para um Centro de Ressocialização. A decisão é da juíza Sueli Zeraik de Oliveira Armani, da 1ª Vara das Execuções Criminais de Taubaté.

PEDRO DA ROCHA, Agência Estado

15 de fevereiro de 2011 | 20h45

A defesa de Suzane alegou que a transferência seria necessária pelo estado de saúde significativamente agravado da detenta. Em sua decisão, a juíza afirma que o relatório médico apresentado demonstra que Suzane goza de perfeita saúde física e mental, com um leve quadro de hipotireoidismo e hipercolesterolomia, e que ela tem trabalhado normalmente na unidade prisional.

Segundo a decisão, o problema de saúde não é motivo para a pretendida inclusão no Centro de Ressocialização. Não é a primeira vez que a defesa de Suzane tenta sua transferência, já analisada e negada em outras ocasiões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.