Total de doações de órgãos em SP aumenta 61%

O número de doadores de órgãos viáveis (que tiveram pelo menos um deles aproveitado para transplante) ficou em 430 no Estado de São Paulo entre janeiro e a primeira quinzena de agosto, o que representa um aumento de 61% em relação aos 266 registrados no mesmo período de 2008. O levantamento foi divulgado hoje pela Secretaria de Estado da Saúde, com base nos dados da Central de Transplantes. O total de cirurgias realizadas cresceu 54%.

FABIANA MARCHEZI, Agencia Estado

31 Agosto 2009 | 11h43

Com isso, o Estado caminha para novo recorde em doação e transplantes de órgãos. Neste ano, já foram realizados 65 transplantes de coração, 75 de pâncreas, 644 de rim, 359 de fígado e 20 de pulmão. Em 2008, neste mesmo período, foram contabilizados 43 transplantes de coração, 60 de pâncreas, 390 de rim, 235 de fígado e 27 de pulmão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.