Trabalhar demais faz mal ao coração

SAÚDE

Afp, O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2010 | 00h00

Trabalhar três horas além da norma (de sete a oito horas diárias) aumenta em 60% o risco de problemas cardíacos, afirma estudo publicado ontem no European Heart Journal. A pesquisa acompanhou 6.014 trabalhadores londrinos (4.262 homens e 1.752 mulheres) de 39 a 61 anos sem doenças cardíacas durante 11 anos. Deles, 369 morreram do coração ou tiveram um enfarte não fatal ou uma angina de peito. Para a coordenadora da pesquisa, Marianna Virtanen, do Instituto de Saúde Ocupacional da Finlândia, "as relações entre as longas horas de trabalho e as doenças cardiovasculares independem de outros fatores, como fumo, obesidade e colesterol alto".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.