Traços do pai influenciam mulheres na escolha de parceiros

Para estudo, mulheres que tiveram boa relação com o pai buscam parceiros fisicamente semelhantes, o que não ocorre no caso de relações traumáticas

Agencia Estado

14 de junho de 2007 | 17h04

Os estudiosos descobriram que mulheres que foram bem tratadas pelos pais durante a infância se sentem atraídas por homens que se parecem fisicamente com eles.A pesquisa, publicada na revista Evolution and Human Behaviour, percebeu que esse comportamento não existe nos casos em que as mulheres tiveram relações turbulentas ou experiências traumáticas ligadas à figura paterna.As participantes do estudo foram submetidas a um teste em que tinham de selecionar fotos de homens que as atraíam. Em seguida, respondiam a um questionário sobre a relação com os pais.A equipe de pesquisadores comparou, então, o tamanho do nariz e a largura dos lábios dos homens das fotos com as dos pais das participantes, e concluiu que mulheres que gostavam dos pais optaram por homens parecidos com eles.Razão emocional Esta é a primeira vez que uma pesquisa usa medidas do rosto para avaliar a atração entre as pessoas. A líder da pesquisa, Lynda Boothroyd, disse que as descobertas vão contribuir para o entendimento sobre porquê as pessoas se atraem por um determinado tipo físico. A pesquisadora ainda acredita que a pesquisa pode ajudar em campos da psicologia, como terapias de casal. Até então acreditava-se que a escolha dos parceiros era influenciada pelo fato de que são os pais que nos ensinam sobre a aparência da espécie humana. Para os pesquisadores, o estudo mostra que há, na verdade, uma razão emocional na hora de decidir sobre o parceiro.

Tudo o que sabemos sobre:
parceirospaiescolha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.