Três crianças morrem após rompimento de dique no Rio

Três crianças morreram afogadas por causa da chuva que atinge o norte e o noroeste do Estado do Rio. Elas nadavam num açude, em Campos dos Goytacazes, quando um dique se rompeu e a correnteza as arrastou. A tragédia ocorreu na sexta-feira e só foi confirmada hoje pela Defesa Civil do Estado. Em mais um dia de temporais, subiu de cinco para 12 o número de municípios do Rio de Janeiro em estado de emergência devido aos efeitos das fortes chuvas. No município de Cardoso Moreira foi decretado estado de calamidade pública: 10 mil dos 12 mil habitantes da cidade tiveram perdas ou estão desabrigados.

ALESSANDRA SARAIVA E SÍLVIO BARSETTI, Agencia Estado

20 Dezembro 2008 | 21h07

Mais conteúdo sobre:
chuvas Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.