Três PMs são presos no Ceará acusados de extorsão

Três policiais militares do Ceará acusados de extorsão em Juazeiro do Norte, a 540 quilômetros de Fortaleza, estão presos no Batalhão da capital cearense. Eles foram pegos no final de semana fazendo blitze clandestinas às margens da CE-292, quando faturavam até R$ 200,00 por dia para liberar veículos irregulares. Os três PMs são cabos e vão responder a processo de desvio de conduta. Imagens gravadas pela PM mostram os três cabos abordando veículos, exigindo documentação e recebendo dinheiro em troca da liberação.Na filmagem feita com autorização da Justiça, aparecem cinco policiais, mas, segundo o comandante do 2º Batalhão da PM, coronel Flares Braga, dois foram liberados porque apenas apareciam em uma viatura que fora ao local da blitz rapidamente. O comandante disse que a PM só participa de blitz de trânsito em parceria com o Detran. "É um absurdo isso acontecer. Um desvio de conduta repugnante, mas que não é privilégio da nossa categoria", afirmou o coronel.

LAURIBERTO BRAGA, Agencia Estado

07 de outubro de 2007 | 15h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.