Trocas de tiros deixam PM e ladrão mortos

Um policial militar e um homem acusado de participar de um roubo em Dourado, na região Central do Estado de São Paulo, morreram em duas trocas de tiros na noite de sábado (27) e manhã deste domingo (28). Segundo a Polícia Militar da cidade, cinco homens foram flagrados quando tentavam roubar a casa paroquial, e começaram a atirar nos policiais. O PM Fábio Donizetti Monteiro, 35 anos, levou um tiro no pescoço e morreu a caminho do hospital.Ainda na noite de sábado, a polícia prendeu Silvio da Rosa Júnior, 27 anos, João dos Santos Júnior, 23, ambos da cidade de Itajaí (SC), e Tércio Aparecido Macacari, 49, de Dourado. Na manhã de hoje (28) um quarto envolvido na tentativa de roubo, conhecido apenas como "Gefe", foi localizado na casa de Tércio, trocou tiros com os policiais e acabou morto. O quinto acusado, também conhecido pelos comparsas apenas como Marquinhos, continua foragido. Os dois também são de Itajaí.A cidade de 9 mil habitantes, que nunca havia presenciado crimes como estes, ficou chocada. O policial morto foi sepultado neste domingo às 17 horas, em Boa Esperança do Sul, na região de São Carlos.

GUTO SILVEIRA, Agencia Estado

28 de outubro de 2007 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.