TSE multa PT e Dilma por propaganda eleitoral antecipada

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) multou na noite de quinta-feira o Partido dos Trabalhadores (PT) e a pré-candidata da sigla à Presidência, Dilma Rousseff, por propaganda eleitoral antecipada durante o programa da legenda no rádio e na TV exibido em dezembro do ano passado.

REUTERS

14 de maio de 2010 | 07h46

O TSE acolheu representação do PSDB e do Democratas e multou o PT em 20 mil reais, enquanto Dilma recebeu multa de 5 mil reais. Os ministros da corte também decidiram cassar o programa partidário que o PT teria direito a exibir no primeiro semestre de 2011.

De acordo com informações do TSE, os ministros assistiram o programa petista em plenário e, por unanimidade, concluíram que o programa tinha como objetivo a promoção pessoal de Dilma.

PSDB e DEM queriam que a corte eleitoral suspendesse o programa do PT que foi ao ar na noite de quinta-feira, mas como o julgamento do caso foi concluído somente após a veiculação do programa petista, ficou decidido que a legenda não terá programa partidário no primeiro semestre do ano que vem.

(Por Eduardo Simões)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICATSEMULTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.