Turista antecipa volta de feriado e congestiona Tamoios

O turista que resolveu passar o fim de semana prolongado de Páscoa no litoral norte de São Paulo enfrentou lentidão em toda extensão da Rodovia dos Tamoios, de 82km, que liga o Vale do Paraíba ao litoral norte. A maioria dos motoristas preferiu antecipar a volta para escapar do trânsito pesado no decorrer do dia.

REGINALDO PUPO, Agência Estado

31 de março de 2013 | 17h29

A partir das 8h da manhã deste domingo, o movimento já era intenso na rodovia. Por volta das 14h, o fluxo começou a se intensificar, provocando lentidão no trecho de planalto, entre Jambeiro e Paraibuna, que está em obras. O percurso chegou a ser feito em 2h30. Em dias normais, o trecho de 82km é percorrido em 1h15.

Antes de subir a serra, o motorista também enfrentou lentidão na Rodovia Rio-Santos, que corta Ubatuba, Caraguatatuba e São Sebastião, principalmente no trevo de Caraguatatuba, que dá acesso à Rodovia dos Tamoios. Também foi registrada lentidão no trecho da Praia Grande, em Ubatuba; e entre Maresias, em São Sebastião, e Bertioga, que dá acesso à Rodovia Mogi-Bertioga.

Quem ficou em Ilhabela no feriadão teve de esperar, em média, duas horas de espera na fila para embarcar nas balsas que fazem a travessia até São Sebastião. A Rodovia Oswaldo Cruz, que liga Ubatuba a Taubaté, ficou congestionada nos 9 quilômetros de serra durante todo o dia deste domingo. No entanto, apesar de intenso, o tráfego fluiu bem no restante do percurso.

Já no planalto, os motoristas também enfrentaram lentidão nas rodovias Carvalho Pinto/Ayrton Senna, que ligam Taubaté a São Paulo e que recebem junto com a Rodovia Presidente Dutra o tráfego proveniente da Tamoios, Oswaldo Cruz e Floriano Rodrigues Pinheiro, que liga Campos do Jordão a Taubaté. Na Dutra, até as 15h deste domingo o tráfego fluía normalmente, assim como na Floriano Rodrigues Pinheiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.