Turista argentina diz ter sido estuprada em Búzios-RJ

Uma turista argentina de 55 anos afirma ter sido estuprada neste domingo, 1, à noite em Armação dos Búzios, a 165 quilômetros do Rio. Ela está na cidade para visitar uma filha, moradora local, e afirmou ter sido rendida quando estava sozinha na Praia da Ferradura. De acordo com o que a mulher narrou à polícia, um desconhecido desembarcou de um carro antigo e malconservado e, armado, a rendeu e obrigou a entrar no automóvel. O rapaz dirigiu até outro bairro, parou numa rua deserta e cometeu o estupro. Depois, a mulher foi abandonada e o criminoso fugiu.

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

02 de setembro de 2013 | 18h33

Durante ronda de rotina, na madrugada desta segunda-feira, 2, policiais militares encontraram a argentina caminhando desorientada e com ferimentos no rosto. Ela foi levada ao Hospital Rodolpho Perissé, onde recebeu atendimento, e passa bem. Exames ginecológicos preliminares realizados no hospital indicaram que o estupro, provavelmente, aconteceu.

Mas o abuso só será confirmado por meio do exame de corpo de delito, que foi feito nesta segunda-feira no Instituto Médico-Legal (IML) em Cabo Frio, para onde a mulher foi levada. O resultado deve sair nos próximos dias. A Polícia Civil já obteve imagens de uma câmera situada na rua onde a mulher foi estuprada, mas nenhuma cena referente ao crime foi encontrada. Os policiais procuram outras câmeras da mesma rua.

Mais conteúdo sobre:
EstuproBúzios

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.