Turistas carregam espécies invasoras

Sementes carregadas nas roupas e bagagens de pessoas que foram à Antártida podem ter introduzido espécies invasoras, com o potencial de ameaçar seus ecossistemas. Pesquisadores mapearam a fonte e o destino de sementes de 2,6 mil plantas que pegaram carona em cientistas e turistas entre 2007 e 2008 e estimaram a probabilidade de elas se fixarem até 2100. Algumas já estão crescendo e, com o aquecimento global, isso deve piorar. O trabalho está na PNAS. / KARINA NINNI e GIOVANA GIRARDI

O Estado de S.Paulo

13 Março 2012 | 03h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.