'Última Ceia', de Da Vinci, ganhará alta definição na web

Empresa italiana vai digitalizar imagem com resolução de 17 gigapixels neste sábado

Gilles Castonguay, da Reuters,

25 de outubro de 2007 | 17h02

Uma imagem de altíssima definição do quadro A Última Ceia, de Leonardo da Vinci, será em breve publicada na internet por uma empresa italiana de tecnologia, o que permitirá aos admiradores da arte e aos teóricos da conspiração uma avaliação da pintura em seus próprios computadores. A empresa de imagem digital chamada HAL9000, mesmo nome do computador assassino do filme 2001: Uma Odisséia no Espaço, de Stanley Kubrick, vai divulgar uma imagem de 17 gigapixels no seu site, www.haltadefinizione.com, neste sábado, 27. Posicionado em um antigo restaurante de um monastério, ao lado de uma igreja em Milão, o mural de 500 anos feito por Da Vinci mostra Jesus Cristo no momento em que ele prevê que um dos seus apóstolos vai traí-lo. Desde a publicação do famoso livro Código Da Vinci, surgiram muitas teorias sobre o significado verdadeiro do mural, conhecido em italiano como Cenacolo. No romance, o escritor Dan Brown escreve que Jesus se casou com sua seguidora Maria Madalena e foi pai de uma criança. O gerente-geral da HAL9000, Vincenzo Mirarchi, disse à Reuters nesta quinta-feira, 25, que a razão por trás da decisão da empresa de divulgar a imagem no seu site é dar uma forma inovadora de apreciar a arte em vez de estimular especulações sobre o seu significado. "Isso vai facilitar para as pessoas verem", afirmou ele, referindo-se às dificuldades de acertar uma visita ao local onde o mural está localizado. Muitos turistas que vão a Milão querem ver o quadro e freqüentemente têm de fazer reservas com pelo menos um mês de antecedência.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.