Uma entre dez jovens britânicas tem HPV, diz pesquisa

Risco de contaminação pelo vírus 'aumenta acentuadamente' a partir dos 14, diz Agência de Proteção à Saúde

BBC Brasil,

21 de setembro de 2007 | 15h29

Uma em cada dez britânicas já foi infectada com alguma variante do vírus HPV, transmitido sexualmente e ligado ao câncer, antes mesmo de completar 16 anos, indicou um estudo realizado no Reino Unido.   O estudo investigou a proporção de garotas e mulheres entre 10 e 29 anos - de um total de 1.483 - cujos anticorpos indicavam que elas haviam sido infectadas pelo HPV.   Testes de sangue identificaram a existência de algum dos tipos de papilomavírus humano (HPV), que pode causar câncer cervical em mulheres e doenças sexualmente transmissíveis em pessoas de ambos os sexos.   Segundo os cientistas da Agência de Proteção à Saúde do Reino Unido, o risco de contaminação "aumenta acentuadamente" já à idade de 14 anos. Por isso, eles defenderam que a vacinação contra o HPV deve ser realizada já aos 12 anos, antes que meninas iniciem sua vida sexual.   "Esse estudo nos dá informações vitais sobre como é comum a infecção de HPV em mulheres jovens de diferentes idades", disse Andrew Vyse, que apresentará a pesquisa na conferência anual da agência, nesta quinta-feira.   "Entretanto, ainda precisamos saber mais sobre os riscos de infecção persistente e progressão para o câncer."   Uma versão completa do estudo será publicada na revista científica British Journal of Cancer 2007.

Tudo o que sabemos sobre:
HPVadolescenteReino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.