Universitário roubava carros para sustentar vício

A Polícia Civil prendeu um universitário de 30 anos acusado de roubar pelo menos nove automóveis e uma residência para sustentar o vício do crack nesta quarta-feira, no bairro Teresópolis, na zona sul de Porto Alegre. Acadêmico de Engenharia Civil na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, de família de classe média alta, identificado apenas como F.N.C., o homem já havia sido preso no dia 4 de maio, por porte ilegal de arma, e libertado no dia seguinte.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

23 de janeiro de 2013 | 18h58

Na ocasião, os policiais encontraram objetos como joias, celulares, tablets, iphones, bolsas femininas e relógios de pulso na casa do universitário. Depois disso, passaram a investigar suas atividades e descobriram que ele roubava automóveis, que acabava abandonando, para retirar pertences que os donos deixavam a bordo e pagar traficantes. A Justiça emitiu mandado de prisão preventiva, e o acadêmico foi encaminhado ao Presídio Central de Porto Alegre. A polícia mantém a investigação em busca de eventuais parceiros de roubos e repasses para traficantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.