Uribe quer jovens como informantes

COLÔMBIA

, O Estadao de S.Paulo

28 de janeiro de 2010 | 00h00

O presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, anunciou que incluirá mil estudantes no programa de informantes do Exército para conter a violência na cidade de Medellín. Segundo Uribe, cada jovem receberá cerca de US$ 50 como recompensa por informações. A decisão foi criticada por diversos setores colombianos, que classificaram a medida como "um erro monumental", sinalizando que a criminalidade na cidade está fora de controle.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.