Uruguai deixa de reconhecer embaixadora de Honduras

O Uruguai deixou de reconhecer como embaixadora de Honduras a diplomata Eleonora Ortez Williams, que exercia a função de Buenos Aires, disse nesta sexta-feira o presidente uruguaio, Tabaré Vázquez.

REUTERS

28 Agosto 2009 | 12h40

Vázquez comunicou a decisão a presidentes sul-americanos reunidos na cidade argentina de San Carlos de Bariloche, onde discutem o acordo militar entre Colômbia e Estados Unidos.

"O Uruguai não reconhece mais esta embaixadora como embaixadora em nosso país", disse Vázquez.

A decisão acompanha uma medida similar tomada pela Argentina, que deixou de reconhecer Ortez Williams pelo apoio da diplomata ao governo do presidente interino Roberto Micheletti.

Argentina e Uruguai condenaram o golpe de Estado que depôs em junho o presidente de Honduras, Manuel Zelaya, e não reconhecem o governo instalado desde então no país.

(Reportagem de Damián Wroclavsky e Jorge Otaola)

Mais conteúdo sobre:
URUGUAIHONDURASEMBAIXADORA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.