Uso de anabolizante leva jovem a coma

Um jovem de 18 anos está internado, em coma, no Hospital Universitário de Londrina desde a manhã de quarta-feira, em razão de ter ingerido doses excessivas de anabolizante sintético e testosterona receitada por veterinários para uso em cavalos.

Evandro Fadel / CURITIBA, O Estado de S.Paulo

08 Outubro 2011 | 03h02

Ele chegou ao hospital em estado de inconsciência, que está mantido agora por indução. O motivo é a detecção de uma trombose cerebral, ou seja, a formação de coágulos impedindo a circulação normal de sangue.

Os médicos ministraram um anticoagulante para combater a trombose, mas a situação é considerada grave. Ainda não se sabe se o paciente terá algum dano permanente.

Segundo a assessoria do hospital, os familiares de João Paulo Mendes dos Santos, morador em Bela Vista do Paraíso, cidade próxima a Londrina, disseram que ele tinha começado a tomar os medicamentos havia poucos dias, com o objetivo de ganhar massa muscular. Mas ele estaria tomando quantidade até 20 vezes maior que a dose que seria receitada clinicamente em alguns casos de pacientes com atrofia ou flacidez muscular.

A dosagem exagerada provocou fortes dores de cabeça e fez com que Santos sofresse convulsões antes de ser encaminhado ao hospital.

Por falta de leito em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o paciente está na sala de emergência do pronto-socorro. Segundo o hospital, ele recebe todos os cuidados necessários num caso como esse. O rapaz respira por meio de aparelhos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.