Vacina para câncer de colo de útero tem 90% de eficácia

A vacina age contra o vírus HPV, que responde por 99% dos casos desse câncer

Agencia Estado

02 Julho 2007 | 08h54

Cientistas finlandeses demonstraram que a vacina criada para evitar o câncer de colo de útero tem eficácia em evitar a doença e as lesões pré-cancerosas provocadas pelo papiloma vírus humano (HPV) de 90,4%, informa a revista médica britânica The Lancet. O HPV responde por 99% dos casos de câncer de colo do útero, um dos mais freqüentes em mulheres, depois do de mama. Dirigida pela professora do departamento de Ginecologia da Universidade de Helsinque Jorma Paavonen, a equipe de cientistas aplicou a vacina HPV 16/18 em 9.258 mulheres e a vacina contra a hepatite A a outras 9.267. Todas estavam infectadas com o papiloma vírus. Após 15 meses, determinou-se que a vacina tem 90,4% de eficiência contra o câncer. Ela também oferece uma proteção contra a infecção persistente pelo HPV de 80,4%, em até seis meses, e de 75,9% em até doze meses.

Mais conteúdo sobre:
hpv vacina câncer

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.