Vai a 184 o total de mortos no RJ; número deve crescer

Mais dois corpos foram resgatados na manhã de hoje, no Rio de Janeiro, segundo relatório do Corpo de Bombeiros. Com essas duas vítimas, o total de mortes causadas por deslizamentos de terra ou desabamentos sobe para 184, de acordo com o relatório divulgado às 11 horas.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

09 de abril de 2010 | 11h35

Niterói é o município com o maior número de vítimas (107). Outras mortes foram registrados no Rio (57), em São Gonçalo (16), Magé (1), Nilópolis (1), Paracambi (1) e Petrópolis (1).

O número total, porém, pode dobrar. Segundo os bombeiros, cerca de 200 pessoas podem estar sob os escombros de deslizamentos. O prefeito de Niterói, Jorge Roberto Silveira (PDT), decretou estado de calamidade pública.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvaRiomortesvítimasNiterói

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.