Vai-Vai termina desfile em clima de campeã da 1ª noite

Penúltima a entrar no Sambódromo depois de uma noite com chuva sem trégua, a Vai-Vai animou a arquibancada, que já era formada em boa parte por simpatizantes da escola. O público cantou junto com a escola o samba-enredo que enalteceu a cidade de Paulínia como pólo industrial e cultural. As fantasias caprichadas e coloridas e os passistas animados ajudaram a levantar o público até o fim do desfile, que se encerrou já com o céu clareando.

BEATRIZ BULLA, Agência Estado

01 Março 2014 | 06h29

O presidente da escola, conhecido como Neguitão da Vai-Vai, estava exaltado ao final da apresentação. "Quem estava aqui viu o que a Vai-Vai fez hoje", disse, depois de gritar: "só tenho uma coisa para falar - Vai-Vai, eu te amo".

A escola deu uma acelerada no final do desfile, para cumprir o tempo máximo de 65 minutos. A Vai-Vai terminou com exata 1 hora e 4 minutos, um minuto antes do limite estabelecido. "A emoção é tamanha. A Vai-Vai trabalhou para isso, a harmonia fez um trabalho belíssimo", comemorou Neguitão.

Os passistas demoraram para dispersar no final do desfile, aos berros de "é campeão", e só deixaram a dispersão quando começou a tocar o samba-enredo da última a entrar na avenida nesta madrugada: a Tom Maior.

Mais conteúdo sobre:
carnaval 2014Vai-Vaidesfile

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.