Vale pagará US$156 mi por fatia de 24,5% de Belvedere

A Vale vai desembolsar 156 milhões de dólares por fatia de 24,5 por cento do projeto de carvão Belvedere, na Austrália, informou a mineradora nesta quinta-feira.

Reuters

31 de janeiro de 2013 | 20h22

A aquisição da participação será feita após a empresa ter assinado acordos para completar uma opção de compra exercida em junho de 2010.

O preço foi estipulado por um avaliador independente contratado pela Vale e pela vendedora Aquila Resources.

Adicionalmente, a Vale vai pagar 21 milhões de dólares para encerrar os litígios e disputas relativas à Belvedere com a Aquila.

Ao fim do processo, a Vale terá pago 388 milhões de dólares por 100 por cento do projeto de Belvedere, que ainda está em fase inicial de desenvolvimento e sujeito à aprovação do Conselho de Administração da empresa.

Segundo avaliações preliminares, Belvedere tem potencial para atingir uma capacidade de produção de 7 milhões de toneladas métricas por ano, em sua maior parte de carvão metalúrgico.

"Belvedere é uma opção futura de crescimento e consiste em um projeto de mina subterrânea de carvão localizada na região sul do Bowen Basin, próximo à cidade de Moura, no estado de Queensland", disse a Vale em nota.

(Por Sérgio Spagnuolo)

Mais conteúdo sobre:
COMMODSVALECOMPRABELVEDERE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.