Vale suspende força maior em operação de carvão em Moçambique

A Vale informou nesta quarta-feira que suspendeu a declaração de força maior nas operações de carvão em Moçambique, segundo comunicado divulgado ao mercado.

Reuters

20 de março de 2013 | 18h42

A força maior para determinados contratos de carvão, anunciada em 15 de fevereiro, foi suspensa a partir desta quarta-feira, segundo a mineradora.

A declaração ocorreu devido as fortes chuvas no início de fevereiro em Tete, criando dificuldades operacionais para a ferrovia da linha do Sena.

Segundo a mineradora, a medida impactou os embarques de carvão metalúrgico em aproximadamente 500 mil toneladas métricas.

A empresa disse na semana passada que a paralisação não deve alterar sua meta de exportação de carvão de sua mina em Moçambique, estimada em 4,9 milhões de toneladas, uma vez que o que deixou de ser embarcado poderá ser recuperado ao longo de 2013.

A Vale começou a exportar carvão de sua mina de Moatize em 2011, mas foi forçada a cortar a quase metade sua produção e suas metas de exportação no ano passado devido a limitações na infraestrutura.

(Por Roberto Samora)

Tudo o que sabemos sobre:
MINERACAOVALE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.