Vazamento causou fracasso de foguete Falcon 1

O lançamento inaugural de um foguete particular, financiado por um milionário, foi condenado por um vazamento de combustível que pegou fogo segundos após o lançamento, de acordo com uma investigação conduzida pelo governo americano. O foguete Falcon 1, construído pela Space Explorations Technologies (SpaceX), foi lançado do Atol Kwajalein, no pacífico, em 24 de março. Mas o incêndio causou a falha 34 segundos após o lançamento.A investigação determinou que "a única causa plausível" para o fogo teria sido a corrosão de uma peça de alumínio na bomba de combustível. O combustível vazou para o motor principal e pegou fogo. A investigação, realizada por representantes do governo e da SpaceX, foi chefiada pelo departamento de pesquisa tecnológica do Pentágono, o Darpa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.