Vazamento de gás mata uma pessoa em SP

Uma pessoa morreu e outra ficou ferida em uma explosão de gás acetileno em um prédio do bairro Sapopemba, na zona leste de São Paulo, na manhã desta sexta-feira. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o vazamento do gás acetileno - um gás asfixiante com alto grau de inflamabilidade - causou o estouro seguido de incêndio. As autoridades não têm informações sobre o estado de saúde da pessoa ferida, que foi socorrida a uma unidade de saúde da região.

GHEISA LESSA, Agência Estado

16 de novembro de 2012 | 15h38

A explosão aconteceu por volta das 9h50, na altura do número 40 da Travessa Marco Caroso. Oito ambulâncias dos bombeiros foram enviadas ao local.

De acordo com os bombeiros, diversos cilindros de acetileno foram encontrados no endereço. A construção onde os produtos químicos estavam não desmoronou, mas uma equipe da Defesa Civil de São Paulo está no local para avaliar se a estrutura do prédio chegou a ser danificada.

A Eletropaulo acompanha a ocorrência e, segundo a empresa, nenhum morador teve o fornecimento de energia elétrica prejudicado. A região, porém, está sem iluminação publica - que foi desativada e os fios precisaram ser isolados, de acordo com a assessoria de imprensa da Eletropaulo.

Tudo o que sabemos sobre:
vazamentogásmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.