Vencedor do Nobel de Medicina morreu na sexta-feira

O cientista canadense Ralph Steinman, agraciado nesta segunda-feira com o Prêmio Nobel de Medicina de 2011 junto com duas outras pessoas, morreu na última sexta-feira, informaram o comitê da premiação e a universidade onde ele trabalhava.

REUTERS

03 de outubro de 2011 | 10h33

Anna Dumanski, do comitê do Nobel no Instituto Karolinska, disse que podia "confirmar que o professor Steinman faleceu". Ela não deu mais detalhes.

Em comunicado, a Universidade Rockefeller afirmou que Steinman morreu no dia 30 de setembro, aos 68 anos.

"Ele foi diagnosticado com câncer pancreático há quatro anos e sua vida foi prolongada por meio de uma imunoterapia com base em células dendríticas que ele mesmo criou", disse a universidade no comunicado publicado em seu website.

Steinman foi laureado nesta segunda-feira com o Nobel junto com o norte-americano Bruce Beutler e o biólogo francês Jules Hoffmann.

(Reportagem de Veronica Ek, Patrick Lannin e Mia Shanley)

Mais conteúdo sobre:
NOBELMEDICINAMORTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.