Vendedor de remédios pela internet é preso em Goiânia

Um dos maiores vendedores de medicamentos ilegais pela internet do País foi preso quinta-feira (dia 29), durante ação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em parceria com a vigilância sanitária de Goiás e as polícias civil e federal. Ele foi detido em Goiânia, Goiás com mais de 15 mil caixas de medicamentos, tais como anorexígenos (um tipo de remédio para emagrecer), remédios para impotência sexual e outros de venda controlada.O vendedor mantinha três computadores ligados em tempo integral, que eram utilizados para oferecer os medicamentos para usuários da internet em todo País, por meio de comunidades virtuais, blogs e mensageiros instantâneos. Os fiscais também prenderam em Goiânia um distribuidor do medicamento clandestino Indiana Tallum, também conhecido como Fator P. A ação foi desencadeada pela apreensão do mesmo produto em Brasília na quarta-feira. Em Goiânia foi encontrada uma tonelada do produto.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

01 de fevereiro de 2009 | 16h28

Tudo o que sabemos sobre:
medicamentosvendainternet

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.