Vice-presidente da Síria desertou, diz comunicado em TV árabe

A TV Al-Arabiya transmitiu nesta quinta-feira um comunicado que disse ser do vice-presidente sírio, Farouq al-Shara, no qual ele declara sua deserção do governo do presidente Bashar al-Assad.

Reuters

16 de agosto de 2012 | 11h22

No comunicado, lido por um homem identificado pela emissora como parente do vice-presidente, Shara pede que o Exército se junte à "revolução" contra o regime de Assad. Shara pertence à vertente muçulmana sunita, enquanto Assad é alauíta, ramificação do xiismo.

A Reuters não pôde confirmar de imediato a autenticidade do comunicado.

(Reportagem de Tom Perry)

Mais conteúdo sobre:
SIRIAVICEDESERTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.