Vietnamita morre eletrocutado quando cantava em karaokê

Vítima recebeu descarga elétrica e desmaiou após pegar o microfone descalço e com os pés molhados

EFE

31 de maio de 2008 | 05h17

Um granjeiro vietnamita morreu eletrocutado quando cantava descalço e com os pés molhados em um karaokê em sua casa, na região central do país, informaram neste sábado fontes policiais. Khang Van Thanh, de 60 anos, morreu na quarta-feira de manhã em Cam Ranh, na província de Khanh Hoa e 450 quilômetros ao norte de Ho Chi Minh City. O chefe de Polícia local, Phan Ngoc An, afirmou que a vítima "recebeu uma descarga elétrica e desmaiou imediatamente após pegar o microfone descalço e com os pés molhados". "É o acidente mais estranho que vi em minha vida", disse o oficial, que acrescentou que a mulher e os filhos de Khang estavam em casa, mas não puderam fazer nada para salvar sua vida. Em 2003, um professor de artes marciais morreu eletrocutado quando cantava em um karaokê em uma reunião familiar na província de Binh Thuan, 150 quilômetros ao nordeste de Ho Chi Minh City. Tran Quoc du, de 23 anos, morreu por causa de danos em seu cérebro provocados pela queda após receber a descarga elétrica.

Tudo o que sabemos sobre:
KaraokêVietnã

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.