Vigia é achado morto em loja das Casas Bahia em SP

O vigia Paulo Domingues Brito morreu hoje, após uma suposta tentativa de assalto à loja das Casas Bahia, na zona sul de São Paulo. O corpo dele foi encontrado no chão por funcionários do estabelecimento no começo da manhã, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP). Brito estava sem camisa e baleado na cabeça. A suspeita é de que ele tenha sido alvejado ao se deparar com um criminoso dentro da loja durante a madrugada. De acordo com a SSP, o último contato do vigia com uma empresa de segurança ocorreu por volta das 4 horas. Grades que dão acesso à loja foram arrombadas. A unidade não conta com câmeras de monitoramento, segundo a secretaria. Procurada, a assessoria de imprensa das Casas Bahia não soube informar se o vigia era terceirizado ou não. Quanto aos possíveis produtos levados da loja, a rede "está apurando os danos causados". Ninguém foi preso. O caso foi registrado no 17º Distrito Policial, do Ipiranga.

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

27 de dezembro de 2007 | 17h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.