Violência é causa de 63% das mortes de jovens no País

A violência é a principal causa de morte entre a população jovem (de 15 a 24 anos), apontam os números do Mapa da Violência/2011, divulgado hoje pelo Ministério da Justiça e o Instituto Sangari. As mortes violentas representam 62,8% das causas de óbitos entre os jovens. Os homicídios são responsáveis por 39,7% do total de mortes, mais que os acidentes de trânsito (19,3%) e os suicídios (3,9%).

RAFAEL MORAES MOURA, Agência Estado

24 de fevereiro de 2011 | 14h27

Entre a população jovem, 26,4% das mortes têm causas naturais, enquanto 73,6% são motivadas por causas externas. Entre os não jovens, a proporção é de 90,1% e 9,9%, respectivamente. Entre 1998 e 2008, a taxa de homicídio na população de 15 a 24 anos saltou de 47,7 para 52,9 em 100 mil habitantes (aumento de 10,9%). No mesmo período, a taxa de homicídio na população total (jovem e não jovem) passou de 25,9 para 26,4, um aumento de 1,9%.

"O extermínio da juventude brasileira é o que explica basicamente o incremento que houve nos últimos anos nos homicídios", comentou o diretor de pesquisa do Instituto Sangari, Julio Jacobo Waiselfisz.

Tudo o que sabemos sobre:
Mapa da Violênciajovensmortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.