Vítima de acidente com carro de luxo é velada em SP

Será enterrado na manhã de hoje o corpo do motorista Edson Domingues, de 56 anos, vítima de um acidente envolvendo um carro de luxo na Freguesia do Ó, zona norte de São Paulo, na sexta-feira da semana passada.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

06 de outubro de 2011 | 08h57

Após passar cinco dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas, em estado gravíssimo, com 70% do corpo queimado, o motorista morreu às 23 horas de terça-feira. O velório está sendo realizado no Cemitério da Lapa, na Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo, onde o sepultamento está marcado para as 10 horas.

Domingues foi vítima da série de acidentes causada pelo estudante Felipe de Lorena Infante Arenzon, de 19 anos, no dia 30. Em seu Camaro, Arenzon foi da zona oeste à zona norte de São Paulo causando várias colisões. Por fim, bateu no utilitário Towner de Domingues, que explodiu e pegou fogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.