Vítima pede ajuda pela internet e PM prende assaltantes

Uma mensagem enviada pelo MSN, programa de conversas instantâneas pela internet, levou a polícia a prender dois assaltantes na Praia Grande, na Baixada Santista, no começo da tarde de terça-feira. Ao notar que o ferro-velho nos fundos da sua casa estava sendo assaltado, a estudante Raiza Bruneli, de 16 anos, escreveu "assalto SOS" ao namorado, que trabalha na cidade de São Paulo. O rapaz ligou para a polícia.

AE, Agência Estado

10 de fevereiro de 2011 | 10h39

A ligação foi recebida pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) de São Paulo às 14h46. O namorado de Raiza informou o endereço do ferro-velho e contou como ficou sabendo do crime, que estava acontecendo a cerca de 80 quilômetros dali.

Segundo a PM, a informação foi passada também pela internet para o Copom de Santos, responsável pelo policiamento no litoral sul. A central de Santos, por sua vez, enviou, por rádio, a solicitação para uma viatura da Força Tática do 45.º Batalhão, na Praia Grande. Às 14h48, dois minutos após a ligação do jovem, os policiais chegavam ao ferro-velho.

Ao notarem a chegada da Polícia Militar, os três assaltantes tentaram fugir. Joel Vieira da Silva, foragido da Penitenciária de Mongaguá, e Fernando Henrique Cholodike da Silva, com passagem por tráfico de drogas e roubo, acabaram presos. Um terceiro suspeito fugiu de bicicleta, segundo a polícia. As informações são do Jornal da Tarde.

Tudo o que sabemos sobre:
internetajudaassaltantesprisãoSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.