Alex Silva/AE
Alex Silva/AE

Volta ao mundo

Aberta, fechada, com frutas frescas ou cozidas, sobre massa podre ou folhada, com ou sem creme, com a fruta no topo ou na base. O mundo todo come torta de maçã. Cada um a seu modo.

Lucinéia Nunes, O Estado de S.Paulo

22 Agosto 2013 | 02h21

Na França? Cada região tem uma, no mínimo. "Na Normandia, a torta de maçã tem massa doce, coberta por purê de maçã e lâminas da fruta", conta a confeiteira paulistana Marilia Zylbersztajn. "Na Alsácia, a massa é coberta com fatias de maçã e regada com uma mistura de ovos e creme."

Em Paris, saem fornadas de galette, com a massa coberta por uma camada de frangipane (creme à base de amêndoas) e lâminas de maçã. Sem falar na famosa tarte tatin, com maçãs caramelizadas no topo, uma invenção das irmãs francesas Stéphanie e Caroline Tatin, no fim do século 19, quando cozinhavam no hotel da família na pequena cidade de Lamotte-Beuvron, a 173 km de Paris.

Para ilustrar esta edição, o Paladar desafiou a confeiteira a preparar uma espécie de volta ao mundo em tortas de maçã, com as receitas populares em diferentes países.

Apple pie, Reino Unido

Torta fechada com recheio de maçãs maceradas em açúcar e especiarias.

Torta de maçã da Bretanha

Típica da região oeste da França leva maçãs em cubos, creme de baunilha e amêndoas laminadas na cobertura.

Tarte tatin, França

As maçãs são caramelizadas e assadas na base da fôrma e cobertas com massa folhada. Ao ser desenformada, a torta fica invertida, com as maçãs coradas e brilhantes por cima.

Crumble de maçã, EUA

Versão da apple pie coberta com farofa doce.

Torta di mele, Itália

Massa de bolo coberta e assada com fatias de maçã. É mais um bolo do que propriamente uma torta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.