Voo 447: Lula diz querer estar em possível culto no Rio

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje que, se for realizado um ato ecumênico no Rio de Janeiro em homenagem às vítimas do voo 447, gostaria de estar presente. A declaração foi feita durante entrevista coletiva em San José, na Costa Rica, onde se encontra com o presidente costarriquenho, Oscar Arias.

TÂNIA MONTEIRO, ENVIADA ESPECIAL, Agencia Estado

03 de junho de 2009 | 17h40

A aeronave da Air France desapareceu no Oceano Atlântico com 228 pessoas a bordo durante o trajeto Rio-Paris. De acordo com a companhia e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), 58 brasileiros embarcaram na aeronave. O último contato do Airbus ocorreu às 23h14 de domingo. Ontem, o Ministério da Defesa brasileiro confirmou o acidente, com base em destroços encontrados próximo à costa do País.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.