Voos da Azul seguem suspensos em Viracopos até 17h

A Azul informou na tarde desta segunda-feira que estendeu até as 17 horas a suspensão de todos os seus voos com origem e destino ao aeroporto de Viracopos, em Campinas, no interior paulista. O aeroporto está fechado desde a noite de sábado, quando um avião cargueiro apresentou problemas durante o pouso e interditou a pista.

SILVANA MAUTONE, Agência Estado

15 de outubro de 2012 | 15h13

Segundo nota divulgada pela companhia aérea, o horário poderá ser alterado "de acordo com o andamento da remoção da aeronave". "Ao mesmo tempo estamos trabalhando junto às autoridades aeronáuticas para aprovar um procedimento alternativo de operação em Campinas. Dessa forma, tentaremos antecipar o retorno de nossos voos. Até lá, nossos voos seguem cancelados", diz o texto. As vendas de passagens da companhia partindo de Campinas ou com destino à cidade também estão suspensas.

Os clientes da Azul podem confirmar a situação do seu voo por meio do telefone 4003-1118, do site www.voeazul.com.br ou diretamente nas lojas da companhia aérea.

Ainda de acordo com a Azul, que é a empresa de aviação civil que mais utiliza o aeroporto de Viracopos, a companhia "segue constantemente avaliando as informações da retirada da aeronave da pista junto à Infraero e à Centurion Air Cargo, empresas responsáveis por essa operação, para retomada o quanto antes de seus voos no aeroporto".

A americana Centurion Cargo é a empresa responsável pela aeronave que causou a interdição do aeroporto. De acordo com a Infraero, a previsão era que a pista fosse liberada às 20h de domingo, mas a Centuriun não conseguiu remover a aeronave até o momento.

Conforme o diretor-geral da Centurion, Vanderlei Morelli, o cargueiro MD11, que vinha de Miami, teve problemas no trem de pouso. Ninguém ficou ferido no incidente.

Até as 14h desta segunda-feira, 80 voos deveriam ter partido de Viracopos e 78 deles (97,5%) foram cancelados.

Tudo o que sabemos sobre:
ViracoposacidenteAzulcancelamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.